quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

Uma praga chamada preconceito

Comentários de usuários do Twitter, iniciados ao ver uma tag que pedia a banda Jonas Brothers no Nordeste



Uma das coisas que mais me dá ÓDIO nessa vida é o preconceito, nesse caso, com os nordestinos. Se você, no seu preconceito, não gosta do Nordeste, então pelo menos cala essa boca de merda, que já temos muito pra aguentar.


COMO, COMO alguém pode fazer brincadeira com uma problema gravíssimo como a seca? Como alguém pode achar isso engraçado? Me dá NOJO, e apesar de não gostar de desejar o mal a ninguém, a primeira coisa que me à mente quando vejo algo assim é essa pessoa sofrendo pela falta d'água, morrendo de sede; o feitiço virando contra o feiticeiro.


Me espanta ver que tem gente que se acha tão desenvolvido, mas na verdade é tão pequeno, ignorante, ridículo mesquinho e egoísta. Um bando de metidos a descolados, sem consciência alguma.


"Preconceito é coisa de ignorantes, gente sem acesso à educação, à cultura... Não é o caso da jovem paulista. Ou é? Mayara certamente não conhece o Nordeste, sua cultura, sua história...Também não conhece os nordestinos; nem os anônimos nem os notáveis. Certamente ela não leu Ariano Suassuna, Jorge Amado, não reverenciou o Mestre Lua, jamais ouvir Herbert Vianna, nem os Chicos: César e Science. Mayara não sabe quantos nordestinos presidiram este país, e desconhece que a maior capital do Brasil, onde ela vive, foi também construída pelo povo que ela tanto detesta. Rancorosa, alienada e ignorante, Mayara, coitada, é digna de pena"- Rachel Sheherazade sobre caso de preconceito ( http://www.youtube.com/watch?v=i9hmVGUbPaM )


" I wanna see you choke on your lies, swallow up your greed, suffer all alone in your misery " ♪